sexta-feira, 29 de julho de 2016

24 de Julho de 2016

Acordei cedo, pelo incrível que pareça. Fui dormir às 6 da manhã e acordei as 10 da manhã. Milagre. Mas todo mundo tava dormindo então eu continuei deitada e olhando as redes sociais por quase duas horas. Só levei pra beber água porque a sede era intensa e deitada de novo. Até que o pessoal começou a acordar e então peguei o computador da Bia e comecei a ver as Fotos que tiremos no dia anterior. Até que decidimos ir pra Amsterdã. Já era tarde  e o plano era ir pra Amsterdã se acostássemos cedo, o que não aconteceu, mas fomos mesmo assim. Na correria nos arrumamos. Cortei a perna com o lâmina de depilar várias vezes e até sai com a perna sangrando. Vesti meu macacão que comprei pro meu aniversário do ano passado e fomos. Paramos no posto pra comer alguma coisa. Comemos sanduíches. Bebi um suco de laranja com morango e um pão com frango e salada. Vinicius e Bia tomaram chocolate quente e um pão igual ao meu. Hans comeu sanduíche também e uma coca cola. Roth eu nem sei o que ele comeu, mas foi um sanduíche diferente. Terminamos de comer e eu comprei uma água e voltamos pro carro. É cerca de uma hora, uma hora e meia daqui da casa da Bia até Amsterdã. Dormi no decorrer da viagem. Chegamos e a cidade tava LOTADA, lotada mesmo. Tinha gente por todo lado. Custamos até achar um estacionamento, paramos dentro de um shopping chique com lojas e roupas super caras, mas era o que tinha. Custamos a achar a saída do shopping, por isso descobrimos que ele era um shopping mais chique. Quando fomos pra rua vimos como Amsterdã continua linda e fedendo a maconha haha. Mas é uma cidade muito bonita mesmo. O lago, as pontes, a arquitetura. Passeamos e conhecemos o lugar. Era a primeira vez de Vinicius e Roth em Amsterdã então andamos por ali. Estava tendo um show "Enjoy our Freedom", e parece que era um show grátis pra todo mundo. Amsterdãé um lugar bem livre mesmo, o que é bacana você não precisar ter medo de ser quem você é. Ou você pode se inventar lá também, nunca se sabe. Tem muita variedade de lojas e cultura. Tem vários tipos de restaurantes, doceira, vende até aqueles baldes de nutella de 5kg, um baita paraíso, isso sim. Também vende tudo de maconha por lá e coisas sexuais. Eu comprei uma torta nessa loja da Nutella, eu tava esperando por uma tortinha que eu comia em uma padaria quando eu era mais nova, mas não era nada parecido. Só o recheio que lembrava um pouco, mas a massa parecia um pãozinho e eu estava esperando mais no estilo tortinha mesmo, mas não posso negar que estava deliciosa, porque estava deliciosa. Não fomos em nenhum tipo de loja de roupa pra poder fazer comprar além do shopping, que no shopping não conta porque estávamos apenas procurando a saída. Só entramos em lojas de comidas, suvenieers e coisas engraçadas. Fomos em um supermercado do local e eles fazem suco de laranja na hora. Tipo, eles têm uma máquina e é só apertar o botão e colocar a garrafa que ela faz o suco natural de laranja na hora pra você, fiquei surpresa, e o suco é muito bom. Já estávamos cansados então decidimos ir comer no KFC e depois fomos pro carro. Pagamos 24 euros pelo estacionamento, o que pra mim foi um super absurdo e ninguém sabia que iria sair tão carro. Roth voltou dirigindo e eu, Bia e Vinicius ficamos vendo as fotos na máquina e conversamos sobre a vida. Dai quando chegamos em casa ficamos conversando e tomamos sorvete. Comecei a assisti Arrow até que meus país ligaram no FaceTime e ficamos conversando. Depois disso só assisti mais um pouco da série até pegar no sono. 
Foi um dia bom, onde passamos um tempo junto e viajamos. Eu amo viajar, principalmente de carro. Tenho um sonho de viajar pra vários lugares de carro e ir parando e conhecendo tudo, um roadtrip mesmo. Já combinei com um amigo meu e até já tinha falado com minhas amigas que quero isso e elas também. Vamos ver se vai rolar um dia com eles né, eu espero que sim.



























Nenhum comentário:

Postar um comentário